sexta-feira, agosto 25, 2006 Curta curtas (nem que seja à força)
Direto da Folha de S. Paulo:
Antes de cada sessão de um filme estrangeiro, os cinemas brasileiros deverão exibir um curta-metragem nacional.

A exigência consta numa lei de 1975, que o Ministério Público Federal quer ver novamente posta em prática, em 2006.

Segundo recomendação do Ministério Público feita à Ancine (Agência Nacional do Cinema) neste mês, a agência tem 90 dias para regulamentar o artigo 13 da lei 6.281/75, que fixa a obrigatoriedade da projeção de curtas brasileiros e também de "jornal cinematográfico", antes dos longas estrangeiros.
Não gosto da maneira em que isso é feito, com essa imposição baseada em lei. Mas acho a idéia boa, desde que todos os curtas e etc que forem exibidos tenham algum tipo de relação com o filme. =]
Constado às 11:38 | Snootchie Bootchies! |   



Play-Asia.com - Buy Video Games for Consoles and PC - From Japan, Korea and other Regions!




Snoogins!
Blogger Renan disse, em 25/8/06 12:33...
Acho que nem precisa ter uma relação muito direta, mas um curta de terror vindo antes de um filme também de terror, por exemplo, seria interessante. No final acho que ganharíamos, já que teríamos mais pelo menos preço (espero!).

 

Blogger Marcelo Laffitte disse, em 16/9/06 11:45...

Caros amigos,
Vocês estão indo na direção correta: é preciso criar um funcionamento que seja bom para o público.
E temos curtas excelente, para todos os gostos: ficção, animação, documentário, comédia, drama, suspense, terror, etc, etc e etc.
Só cabe ressaltar que lei não é instrumento de força. Tirante as armas reais, a lei é o único instrumento que os mais fracos e excluídos possuem para se defender dos poderosos.
E viva a Lei do Curta.
Grande abraço a todos.

 

Deixe um comentário!

<< Voltar